Arquivo para Fitoterápicos - Farmácia Artesanal Inovação
8
archive,tag,tag-fitoterapicos,tag-8,qode-quick-links-1.0,translatepress-pt_BR,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-theme-ver-11.1,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-5.1.1,vc_responsive

Faça o download do arquivo no link abaixo e saiba mais sobre o assunto. [UAS_loggedin hint="" ex=""] Conteúdo & Fórmulas sobre Fitoterápicos para gripes e rinite alérgica [/UAS_loggedin] [UAS_guest hint="" in="" admin="0"] Você precisa estar...

Diferentes fitoterápicos com potencial ação para tratar a dislipidemia A dislipidemia pode ser definida como a elevação dos níveis séricos do colesterol, triglicérides, LDL, enquanto os níveis de HDL permanecem baixos....

Uma vez considerado como um problema dos países desenvolvidos, a obesidade e as complicações relacionadas a ela (como a Síndrome Metabólica) estão se espalhando rapidamente por todo o mundo. Assim, os estudos a seguir avaliaram a aplicação do Cissus quadrangularis no tratamento da Síndrome Metabólica, particularmente na perda de peso e na obesidade central. Cissus quadrangularis é uma planta muito utilizada nos países do oriente, e análises fitoquímicas revelam um alto conteúdo de ácido ascórbico, caroteno, fitoesterois e cálcio. Todos estes componentes possuem efeitos potenciais metabólicos e fisiológicos (OBEN, et al., 2006). Extratos e pós de C. quadrangularis tem sido utilizado a muitos anos para promover a cicatrização de ossos e tecidos, como analgésico, para o tratamento de infecções, como anabólico e para promover perda e manutenção de peso (STOHS; RAY, 2012).

TERAPIA DE REPOSIÇÃO HORMONAL

As mudanças hormonais associadas à perimenopausa e menopausa levam a uma grande variedade de sintomas que podem afetar negativamente a qualidade de vida das mulheres. Os sintomas mais comuns são os fogachos, suores noturnos, fragilidade emocional, pouca concentração, e distúrbios do sono (FILIS et al., 2011). Estes sintomas são resultados da atrofia vaginal, que por sua vez é causado pela transdução reduzida através do epitélio vaginal e diminuição das secreções glandulares cervicais resultantes da depleção de estrogênio pós-menopausa (KOKOT-KIEREPA, et al., 2012). A terapia de reposição hormonal com estrogênios é efetiva e bem tolerada para o tratamento dos sintomas da menopausa (FILIS et al., 2011).