Hipertrofia e resistência em treinos

Índices aumentados de massa magra demandam altas quantidade de fontes proteicas e os aminoácidos podem funcionar como coadjuvantes e desse modo, é possível aumentar a hipertrofia e resistência de atletas em treinos

Aos praticantes de exercício orientado, existe uma demanda aumentada por elevados índices de massa, força e resistência muscular. Nesse conteúdo você encontrará, diversas opções de suplementação e pode também conhecer variados mecanismos envolvidos no aumento do metabolismo proteico, resistência e desempenho em treinos.

Aumento da resistência e hipertrofia para atletas

De acordo com a disponibilidade de precursores da síntese proteica há aumento do ganho de massa magra é induzido pelo estímulo da mTOR e da síntese do GH, que são induzidos durante o período em que o corpo encontra-se em recuperação, no intervalo entre as sessões ou após o treino.

Primordialmente, o processo de anabolismo, desenvolvimento e síntese do tecido muscular, pode ser otimizado com os benefícios da suplementação, que por sua vez pode estimular mecanismos da síntese proteica ligados a via mTOR, aos fatores de crescimento.

suplementação para atletas

Aumento de fatores de crescimento

Em princípio, manter os níveis aumentados de aminoácidos essenciais pode ser um alternativa para auxiliar no estímulo de vias metabólicas, através de fatores de crescimento (GH), principalmente, do fator de crescimento semelhante à insulina (IGF-1).

Elevar níveis de hormônios andrógenos

Decerto, outro fator considerável para o aumento da massa magra, é a elevação dos  índices de hormônios andrógenos, estes podem contribuir para, acentuado crescimento e definição da musculatura esquelética, e uma das vias utilizadas, é a indução de fatores de crescimento.

Kaczka et al., 2021; Silva et al., 2017; Chae; Park; Park, 2021

Opções suplementares para atletas que buscam maior resistência

Aminoácidos

Decerto os aminoácidos são participantes naturais de diversos processos metabólicos e celulares. Os aminoácidos de cadeia ramificada podem estimular e auxiliar vias metabólicas ligada a síntese proteica, contribuir para o aumento da atividade termogênica e lipolítica.

Fontes de proteína

A utilização de fontes proteicas é uma demanda de atletas para maiores índices de e também preservação da massa magra, e além disso, ainda pode contribuir para a perda de gordura.

Aumento da vasodilatação

Melhora do aporte de oxigênio, nutrientes e melhora da função endotelial beneficia no desempenho e a resistência em treinos de alta intensidade.

Ativos fitoterápicos

Exibe propriedade fitoanabolizante que contribuem para aumento dos níveis de hormônios andrógenos com isso está envolvido também no aumento da proliferação e diferenciação de células-tronco musculares.

Proteção das articulações em atletas

Secundariamente, proteger e manter a saúde das articulações pode contribuir para melhora da flexibilidade e mobilidade, bem como reduzir o desgaste das articulações que pode ocorrer devido a exposição, especialmente a treinos de elevada intensidade.

Antioxidantes em atletas

Elevar as defesas antioxidante para proteção contra o estresse oxidativo e redução de radicais livres e fisiológico mediados pelo estresse provocado pelo exercício.

Hormônios andrógenos eleva a resistência em treinos

Aumento nos índices de hormônios pode contribuir para acentuado crescimento e definição da musculatura esquelética, através de indução de fatores de crescimento e de vias metabólicas (via mTOR) e também da proliferação e diferenciação de células-tronco musculares.

Anticatabólicos em atletas

Decerto, algumas substâncias podem melhorar o processo de anabolismo bem como reduzir a degradação proteica, como é o caso do HMB, utilizado por atletas em treinos de alta intensidade e para alterações musculares provocadas pelo exercício.

Zanchi et al., 2010; Silva et al., 2017; Pasiakos et al., 2014; Chae; Park; Park, 2021; Martins et al., 2021; Sýkorová et al., 2018

suplementação em treinos

Em conclusão

A prática de exercício físico é uma atividade cada vez mais requerida para a saúde, não apenas dos músculos ou interligada a estética corporal. Aumento dos níveis de proteína influenciam no metabolismo do músculo esquelético.

Além disso, a prática de exercício assistido ou direcionado pode promover, considerável definição da musculatura e também auxiliar na perda de gordura, reduzir o risco de doenças cardiovasculares, obesidade e como também suas complicações.

resistência em treinos

Faça o download do arquivo no link abaixo e saiba mais sobre o assunto.


Você precisa estar logado para ver este conteúdo.
Após análise do cadastro, a Farmácia Artesanal se reserva no direito de não autorizar o acesso ao conteúdo técnico.
Conforme a RDC23/2008, art. 36 – Para a divulgação de informações sobre medicamentos manipulados é facultado às farmácias o direito de fornecer, exclusivamente, aos profissionais habilitados a prescrever.

Referencias

Zanchi, N. E., Gerlinger-Romero, F., Guimarães-Ferreira, L., de Siqueira Filho, M. A., Felitti, V., Lira, F. S., … Lancha, A. H. (2010). HMB supplementation: clinical and athletic performance-related effects and mechanisms of action. Amino Acids, 40(4), 1015-25.

Kaczka, P., Kubicka, K., Batra, A., Maciejczyk, M., Kopera, E., Bira, J., & Zając, T. (2021). Effects of Co-Ingestion of β-Hydroxy-β-Methylbutyrate and L-Arginine α-Ketoglutarate on Jump Performance in Young Track and Field Athletes. Nutrients13(4), 1064.

Silva, V. R., Belozo, F. L., Micheletti, T. O., Conrado, M., Stout, J. R., Pimentel, G. D., & Gonzalez, A. M. (2017). β-hydroxy-β-methylbutyrate free acid supplementation may improve recovery and muscle adaptations after resistance training: a systematic review. Nutrition Research, 45, 1-9.

Pasiakos, S. M., McLellan, T. M., & Lieberman, H. R. (2014). The Effects of Protein Supplements on Muscle Mass, Strength, and Aerobic and Anaerobic Power in Healthy Adults: A Systematic Review. Sports Medicine, 45(1), 11131.

Chae, M., Park, H. S., & Park, K. (2021). Association between dietary branched-chain amino acid intake and skeletal muscle mass index among Korean adults: Interaction with obesity. Nutrition research and practice15(2), 203-12.

Martins, J. P., Silva, L. C., Nunes, M. S., Rübensam, G., Oliveira, J. R., Silva, R., & Campos, M. M. (2021). Combined Effects of Exercise and Phytoanabolic Extracts in Castrated Male and Female Mice. Nutrients13(4), 1177.

Sýkorová, S., Fojtíková, L., Kuchař, M., Mikšátková, P., Karamonová, L., Fukal, L., … Holubová, B. (2018). Sensitive enzyme immunoassay for screening methandienone in dietary supplements. Food Additives & Contaminants: Part A, 1-9.

Gostou desse artigo? Compartilhe nas suas redes sociais.

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on whatsapp